Mulheres (Tiago Nascimento)

Mesmo que a noite seja escura

Uma noite não dura para sempre

Logo a mãe vem e lhe assegura

Homem, filho, medo não sente.

E conforme o tempo vai passando

Rapaziada já sabe o que quer

Estará pela vida toda buscando

Substituir essa mãe, por outra mulher.


Minha homenagem para todas as mulheres. As mães, as esposas e as outras.

Tiago Nascimento
jesuscristohumano@gmail.com

Anúncios

Sobre Tiago Carpes do Nascimento

Brasileiro, casado, vinte e poucos anos, escritor por obrigação e prazer, professor, curioso, eclético em matéria de música, adora livros e filmes inteligentes (instigantes), cristão, conservador, gosta de política, já sonhou ser presidente do Brasil, presidiu comitê municipal de sigla política, mas a desilusão foi tanta que hoje se contenta apenas em contribuir para a melhoria da educação e para o crescimento vegetativo da população, tendo dado o seu contributo em duas ocasiões.
Esse post foi publicado em Versos e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Mulheres (Tiago Nascimento)

  1. Vana Comissoli disse:

    Sem dúvida alguma todas as pessoas com um mínimo de conhecimento de Psicologia sabem que isto é real.
    É bonito ver a admiração que o autor sente por sua mãe, Freud também era fixado na dele e por isso fez um monte de asneiras, não cortou o cordão umbilical.
    Sem dúvida uma poesia vinda de um pensador evangélico.

O que tens a dizer sobre o post?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s